FINDAGRIM 2018 recebeu mais de 20 mil pessoas

FINDAGRIM 2018 recebeu mais de 20 mil pessoas
A Feira Industrial, Comercial e Agrícola de Maiorca (FINDAGRIM) de 2018 chegou ao fim, com um balanço "extremamente positivo e dentro do previsto", garantiu o presidente da Junta de Freguesia durante o desfile de carroças tradicionais, que começou um pouco atrasado por um motivo imprevisto e, no mínimo, caricato pois uma das burras entrou em trabalhos de parto e teve de ser substituída.
O cartaz de espetáculos foi constituído por um leque de artistas consagrados a nível nacional ( Ana Malhoa, Quim Barreiros, Toy, Amor Electro e os Red), que foram antecedidos pelas atividades que se desenrolaram no palco cultural, que foram constituídas por Folclore, Dança Moderna, Filarmónicas, Fado e Música Popular a cargo das associações da Freguesia de Maiorca e de outras do concelho da Figueira da Foz (Alqueidão, Paião e Vila Verde). Na tenda Eletrónica as noites terminaram com a prestação de DJ´s.
Em declarações ao Diário as Beiras, Rui Ferreira, presidente da Junta de Freguesia, referiu que o balanço final é “muito positivo” e que os objetivos para esta edição foram “cumpridos”. “O balanço final é muito positivo. Atingimos o número que tínhamos definido antes. Registámos, no total, cerca de 25 mil entradas. Desse registo, 20 mil foram com entradas pagas, portanto, no geral, o objetivo foi cumprido”, confessou. 


Ainda segundo Rui Ferreira, as alterações que foram efetuadas este ano “não agradaram a todos”, mas “os comerciantes e as pessoas que nos visitaram fizeram críticas claramente positivas. Este ano decidimos fazer algumas alterações na geometria do espaço, o que agradou a alguns mas não agradou a outros. Mas as coisas são mesmo assim… Quando se fazem alterações como aquelas que nós fizemos vão haver sempre pessoas que não vão gostar”, afirmou.
Mensagem mais recente Mensagem antiga Página inicial
 
Copyright © 2014 .:Maior Cá:.
Template. Catatan Info